domingo, fevereiro 05, 2017

Guest Post: 15 dicas para aproveitar ao máximo o Beto Carrero World

Guest Post: 15 dicas para aproveitar ao máximo o Beto Carrero World

Aline Dias em frente ao castelo das Nações do Beto Carrero World

Por: Aline Dias Pinheiro - Blog Vem que te Conto

"Estivemos no Beto Carreto em 2 épocas diferentes (final de abril de 2014 e início de setembro de 2016). Em nossa primeira visita, a filhota tinha 4 anos e nos hospedamos em Balneário Camboriú. Na segunda visita, filhota já tinha 6 anos e nos hospedamos em Penha.

Baseado nas diferentes experiências que tivemos, selecionei 15 dicas para aprimorar a experiência dos visitantes.

  1. Dois dias de parque são o tempo ideal de visitação. O parque é grande, são várias atrações e shows lindos e em 1 dia fica muito corrido. Com crianças a velocidade é menor. Se forem só em adultos, vão querer ir nas diversas atrações radicais. Então, nos 2 casos, 2 dias é a pedida.
  2. FastPass. Se você só tiver 1 dia para visitação (o que eu considero um grande desperdício), não deixe de comprar o FastPass. É uma espécie de fura-filas que te permite entrar mais rápido em 16 atrações, 2 vezes em cada. Mas lembre-se que o valor do FastPass é praticamente o valor de mais 1 dia de parque. Analise bem se é isso mesmo que precisa.
  3. Fique de olho nas promoções mensais lançadas na página do Facebook do parque. Normalmente em baixa temporada eles lançam promoções para o mês seguinte de “visite 2 dias e pague somente 1”, ou descontos no passaporte, ou até mesmo ingresso gratuito para as mães em maio, pais em agosto, crianças em outubro e aniversariantes no dia do aniversário.
  4. Para aproveitar ao máximo as atrações sem ficar encarando as filas de 2 horas ou mais que costumam se formar, programe-se para chegar cedo ao parque. O parque abre as 8:30 e as atrações começam a funcionar as 9:00. Esteja na fila das mais concorridas antes das 9. Assim que abrir você será um dos primeiros da fila e ainda poderá repetir antes do parque encher de verdade.
  5. Filas que costumam ser muito grandes: todos da área radical, Crazy River Madagascar, Raskapuska, Montanha Russa do Tigor e roda gigante. Tente dividir essas atrações nos 2 dias logo pela chegada no parque.
  6. Os shows são maravilhosos e não perdem em nada para shows da Disney (eu ainda reforço que o Madagascar é o melhor show de parque que já assisti e pra mim, ele dá um banho nos shows da Disney). Não deixe de assistir!
  7. Se programe para não chegar muito em cima da hora para o show do Blum. O teatro é o menor de todos e a disposição das cadeiras é muito ruim para ver o palco. Tente sentar bem na frente ou sua visão ficará bem comprometida. Mas o show é imperdível!
  8. Não deixe de fazer as fotos caracterizados de Piratas (na Ilha dos Piratas) e de Faroeste (na área do Velho Oeste). É bem divertido. Eles cobram um preço alto, mas pode dividir com o grupo e dar uma choradinha que eles dão desconto.
  9. Também não deixem de tirar fotos com os personagens. Eles aparecem 3 vezes ao dia, em lugares pré determinados. Se programem pra chegar na fila uns 15 minutos antes da seção de fotos. É muito divertido!
  10. E já que estamos falando em fotos, explore o parque! Ele tem muitos locais para fotos legais. Alguns locais são mais “secretos”, mas todos indicados no mapa. Vocês farão fotos super divertidas, pode ter certeza. ;)
  11. Existem diversos tipos de refeições no parque. Desde serviços a La carte, até lanches, passando por buffets a kilo. O preço dos buffets a kilo é padronizado, o valor é normal, nada fora do esperado e a comida é saborosa. Vale a pena.
  12. Aproveite o horário do almoço para recarregar seu celular e seus eletrônicos nas tomadas disponibilizadas ao redor do Carrossel na praça de alimentação.
  13. Existe uma salinha climatizada com algumas almofadas onde as crianças e bebês podem tirar um cochilo e descansar. Não precisa deixar as crianças sofrendo no sol ;) Essa salinha fica ao lado da entrada do centro médico, bem em frente a área dos cavalos.
  14. O serviço médico funciona! O atendimento é muito bom. O pessoal é bem atencioso e prestativo. Usamos das 2 vezes que estivemos no parque (nada grave).
  15. Apesar do parque estar localizado no sul do Brasil não vá pensando que o clima é sempre fresco. Não é! No verão é muito, muito quente! E os ambientes não são climatizados. Então avalie bem a época de sua viagem!


Gostaram dessas dicas? Estão prontos para curtir o Beto Carrero?"

Obrigada Aline, foi um prazer tê-la aqui no Vem pro Parque!!!!

Estas foram as dicas preciosas da Aline, que esteve no Beto Carrero no final de 2016. Ela também escreveu um post muito bom sobre como conhecer o Beto Carrero World com economia, gastando pouco e se divertindo muito! Leia aqui.

Índice de Postagens por assunto sobre o Beto Carrero World:




Vai ser muito bacana ter um comentário seu aqui! Todos os comentários do blog são moderados, então em breve será publicado. Enquanto isso continue curtindo nosso blog, Vem pro Parque!

Whatsapp Button works on Mobile Device only

Start typing and press Enter to search