Conheça o Horto Florestal de São Paulo e surpreenda-se!


Conheça o Horto


O Horto Florestal foi criado em 1896, pelo naturalista e botânico sueco Alberto Löfgren. A Biodiversidade do Parque é rica e representativa, possui importantes coleções arbóreas e inúmeras espécies exóticas como eucalipto, pinheiro-do-brejo com suas raízes esculturais (algumas centenárias) e nativas como o pau-brasil, carvalho-nacional, pau-ferro, jatobá entre outras. É comum observar bandos de tucanos, maritacas, jacus, capivaras, esquilos, bugios, macacos-prego, garças, socó, mergulhões.



Há lagos e bicas d’água potável que brotam de seu solo, além de belas alamedas, oferecendo ao visitante um acolhedor espaço para práticas esportivas, piqueniques ou uma simples caminhada, respirando ar puro, ao som de pássaros e cigarras. Já encontramos em nossas caminhadas esquilos, capivaras, tartarugas, macacos e muitos gansos. 


Fazem parte da paisagem do Parque o Museu Florestal Octávio Vecchi, o Palácio de Verão do Governador e a estátua de São João Gualberto, protetor das florestas do Estado de São Paulo.

Foto: Divulgação




Em sua infraestrutura oferece ainda: Parque Infantil, Palco para Eventos, Área de Piquenique, Quadra Poliesportiva, Campo de Futebol, Fraldário, Sanitários e Estacionamento grátis.

Foto: Divulgação



O Parque conta com um Núcleo de Educação Ambiental onde desenvolve várias atividades educativas com escolas e o público em geral, como: Trilhas Interpretativas; Teatro de Fantoches; Oficinas; “Estudo do Meio” que são visitas monitoradas para rede de ensino Pública e Particular e, Estação Vida com atividades voltadas para a melhor idade.

O Parque e Nós, paulistas


Quando se fala em Horto Florestal, para qualquer pessoa que não resida na Zona Norte de São Paulo, sempre ouvimos: mas é tão longe! Infelizmente essa é a impressão que muitos possuem, mas se for olhar direitinho no mapa, verá que o Horto está a apenas 12 km do centro da cidade, da Praça da Sé, que é o marco zero da capital. O Parque do Ibirapuera está ha 6 kms do centro e o Parque Villa Lobos quase 18km! Portanto não é o parque estadual mais "afastado" não.

O Horto possui uma área de 187 hectares sendo que apenas 35 são destinados ao Uso Público. Para se ter uma base comparativa, o Parque do Ibirapuera possui uma área total inferior, de 158 hectares...

Durante a semana o Horto Florestal é palco para praticantes de esportes diversos, e nos finais de semana é comum vermos muitas famílias ocupando suas áreas de piquenique, playground, etc. Nós aqui frequentamos muito o Horto Florestal para caminhadas e treinos, pois corrida é uma de nossas paixões... O Horto possui um trajeto de 5 km sem repetir a paisagem, portanto consegue-se um bom treino com essa distância (em pistas asfaltadas) sem repetir o local de passagem e acho isso bárbaro!







Grande eventos são realizados o Horto Florestal, e um deles, do qual nós somos orgulhosos apoiadores, é a Volta do Horto, uma prova de caminhada e corrida com distâncias de 3 km e 5 km que acontece sempre no mês de novembro no parque. Não perca essa chance bacana de conhecer o Horto Florestal cuidando de sua forma física. 


Em 2015 participei da 1ª Volta do Horto com minha filha, fizemos a caminhada e foi muito legal!!! As crianças também curtem demais esse tipo de evento.
Em 2016 o Vem pro Parque patrocina o evento!



Foto: Divulgação

NORMAS DE VISITAÇÃO


A iniciativa vem atender o que determina o documento “para visitação em Unidades de Conservação”
A Lei federal de 18 de julho de 2000, Regulamenta o art. 225, § 1o, incisos I, II, III e VII da Constituição Federal, institui o Sistema Nacional de Unidades de Conservação da Natureza.  NÃO permite as seguintes atividades dentro da unidade:
  • Circulação de bicicletas ACIMA de aro 10, motocicletas e veículos de passeio motorizados (é permitido o uso de quadriciclos e bicicletas infantis “aro 10 ou menor”, desde que não ofereça riscos à criança e ou a outros visitantes);
  • Uso de brinquedos (carrinho de controle remoto, aeromodelos, patinetes, patins, skates, rolimãs, balões de gás, pipas e afins);
  • A prática de esportes com bola fora de seu local destinado (quadra e/ou campo de futebol);
  • Aparelhos de som, instrumentos sonoros ou musicais;
  • Rituais/cerimônias religiosas, bem como acender velas ou uso de inflamáveis;
  • Nadar nos lagos, pescar, pendurar redes ou quaisquer outros objetos nas árvores; e fazer churrasco;
  • Não é permitida a entrada/presença de animais domésticos;
  • Retirada de sinalização; placas;
  • É proibido terminantemente perturbar e alimentar os animais que vivem no Parque;
  • Não entre na Mata;
  • Não cause danos à vegetação, não retire nada da natureza;
  • Respeite os funcionários, são eles que garantem nossa segurança, nos orientam e auxiliam.
  • LEMBRAMOS: Esta é uma área de Proteção Ambiental para contemplação, e a não observação dessas regras pode incorrer em infrações e enquadramento na Lei de Crimes Ambientais.
Foto: Divulgação


SERVIÇO


Nome: Parque Estadual Alberto Löfgren
Município: São Paulo
Horários: Diariamente, das 06:00 as 18:00. Excepcionalmente das 6h às 19h, no horário de verão

Entrada Franca
Bairro: Mandaqui CEP: 02377-000
Vias de Acesso:
– Av. Cruzeiro do Sul, R. Dr. Zuquim, Av. Nova Cantareira, Av. Maria Amália Lopes de Azevedo, R. do Horto.
– Av. Voluntários da Pátria, Av. Sta. Inês, R. Luis Carlos Gentile de Laet

Telefone: (11) 2231-8555 Ramal 2051

Clima: Clima Tropical úmido serrano da Cantareira.
Temperatura: Temperatura média de 15,7°C à 26°C. Máxima de 27,7°C e mínima de 14,4°C.
Solo: Dominam latossolos profundos de textura média a argilosa e os cambissolos, sendo que nas planícies fluviais ocorrem os gleissolos (solos com excesso hídrico).
Ecossistema: Floresta Ombrália Densa / Floresta Estacional Semidecidual / Urbano.
Flora: Mesclada com arborização de espécies exóticas e nativsa em arboretos ou isoladas com regeneração espontânea de espécies nativas e exóticas. A vegetação outrora existente e de seu entorno é classificada como Floresta Ombrófila Densa Montana. Espécies em extinção: Pinheiro-brasileiro, peroba-rosa, pau-marfim, pau-brasil, cambuci, cedro-rosa, cedro-do-brejo, jacarandá-da-bahia, brauna, sassafras, imbuia, bolsa-de-pastor.
Infraestrutura: Núcleo de Ed. Ambiental / Núcleo Estação Vida Melhor Idade, Fraldário, piquenique, cooper, equipamentos de ginástica, parquinho, Museu Florestal.




E você, já esteve no Horto Florestal? Conta pra nós!

E se não conhece aproveite a chance de fazer sua visita em um dia de evento, bem animado, participe da 2ª Volta do Horto dia 20 de novembro!!! Inscrições encerram dia 31/10, corra!!!

20 comentários

  1. Que lugar aconchegante! Poxa, se morasse em SP, nem iria achar 12 km longe, rs. Deve ser muito bom ter um local bacana assim para passear no final de semana. Parabéns pela matéria! Abraços, Cristina.

    ResponderExcluir
  2. Que lindo e que baita dica de programa para fazer com as crianças.
    SP parece uma selva de pedra, mas tem muita natureza e "vida"para a gente aproveitar.
    Adorei a dica!!!

    beijão

    ResponderExcluir
  3. Que lugar lindo, já tinha ouvido falar quando fui a São Paulo, mas como você disse, pensei que era bem longe, já que estava na Zona leste, da próxima vez não vou deixar passar! Abraços

    ResponderExcluir
  4. Que ótima dica! Nem acho 12 quilômetros tão longe assim. O parque parece ser lindo e bem cuidado!

    ResponderExcluir
  5. Detalhes de São Paulo que o turista nem sempre tem conhecimento. Valeu pela dica.

    ResponderExcluir
  6. Moro em São Paulo e nunca fui ao Horto... Gostei da dica da corrida e caminhada. Acho que vai ser uma ótima oportunidade de conhecer pessoalmente, este lugar tão lindo!

    ResponderExcluir
  7. Que coisa feia! Sou paulistana e nunca estive o Horto (sabia da existência apenas por causa de um ônibus que entrava dentro da USP com esse nome - rsrsrsrs).
    Mas adorei saber que temos um outro parque dentro da cidade, bem conservado e que esta a 12km de minha casa. Meu filhote vai enlouquecer se encontrar macaquinhos! ;)

    ResponderExcluir
  8. Nunca participei da Volta do Horto, fiquei curiosa. Lugar lindo, adoro.

    ResponderExcluir
  9. Mais uma dica para a lista de programas em SP com crianças. Estamos planejando uma viagem curta a SP, de uns 4 dias, só para programas infantis com o pequeno! Gostei da dica! Bjs Angelica @descansanavolta

    ResponderExcluir
  10. Que delícia de lugar, não conhecia! Deve ser muito bom pra quem tem filho poder deixar a criançada solta pra correr e brincar! Da próxima vez que for a São Paulo visitar meus sobrinhos postiços vou levá-los lá pra brincar! Obrigada pela dica! ;)

    ResponderExcluir
  11. Que lugar ótimo pra fugir um pouco do caos urbano de São Paulo e respirar um pouco de ar fresco. Acho incrível parques como esse há poucos kms de distância de grandes centros urbanos para realizar descompressão de tempos em tempo.

    ResponderExcluir
  12. Que lugar lindo!! Adoro passeios ao ar livre e esse parece ser bem interessante. Fica anotada a dica. Acho que para quem quer fazer um piquenique, esse lugar é ótimo.

    ResponderExcluir
  13. Que delícia correr num lugar com uma natureza exuberante assim!

    ResponderExcluir
  14. Que bom ver um espação verde dentro de São Paulo, parece ser um lugar muito agradável! Confesso que jamais tinha ouvido falar, obrigado por compartilhar esta bela dica.

    ResponderExcluir
  15. Este local é um espanto, com tanta vida animal, tantos locais para ver e tanta beleza natural. Parabéns pelo artigo e por todas as dicas e fotos.

    ResponderExcluir
  16. Que pena que nas vezes que fui a São Paulo não consegui visitar lugares como esse. Na próxima vou separar uns dias a mais para conhecer esse outro lado da cidade. :)

    ResponderExcluir
  17. Que bonito, amo hortos e parques. É essencial em cidades como São Paulo ter lugares como esse, pra dar uma fugida do agito haha.
    Adoro seus posts, sempre com todas as dicas.

    ResponderExcluir
  18. O Horto é realmente um super passeio, recomendo à todos! E adorei o post! Vou compartilhar!

    ResponderExcluir
  19. O horto é tão gostoso, mas pra mim, que sempre morei na Zona Leste, era meio fora de mão =/ Mas sempre que tava inspirada em ir pra ZN valia a pena :)

    ResponderExcluir
  20. Acredita que ainda não conheço?!?!

    Mas já faz tempo que está anotado na minha listinha!!! Adorei as dicas e fiquei com mais vontade ainda de conhecer!!!

    Me programando pra visitá-lo o quanto antes!

    Adorei o post!

    Abraço

    ResponderExcluir

Vai ser muito bacana ter um comentário seu aqui! Todos os comentários do blog são moderados, então em breve será publicado. Enquanto isso continue curtindo nosso blog, Vem pro Parque!